sábado, 11 de maio de 2013

Mulher salva filho recém-nascido antes de ser  executada


  • Reprodução | Site O Baianão
    Geovanea jogou o filho pela janela de casa para que ele fosse salvo
Uma mulher morreu a tiro após ser perseguida por um homem com identidade ainda não divulgada, na noite desta sexta-feira, 10, no bairro do Baianão, na cidade de Porto Seguro, na Bahia.
De acordo com a polícia local, Geovanea Menezes de Oliveira, 23 anos, estava com o filho recém-nascido nos braços no momento da perseguição. O homem, segundo os agentes policiais, alvejou a vítima na região das costas. Antes do atentado, Geovanea jogou a criança pela janela de casa para que ele fosse salvo.
A mulher foi socorrida por uma ambulância do Serviço Móvel de Emergência (Samu), mas ela não resistiu aos ferimentos antes de chegar ao pronto-socorro. Já a criança foi entregue com vida aos familiares da vítima.
Segundo o site O Baianão, testemunhas disseram à polícia que a vítima se prostituía em bares da cidade. Até o momento, o culpado não foi preso. A delegacia de Ponto Seguro investiga o autor e a motivação do crime.

fonte: atarde